Como Você Resolve Seus Problemas?

Como Você Resolve Seus Problemas? 5.00/5 (100.00%) 1 vote

Tanto sei estar humilhado, como também ser honrado; de tudo e em todas as circunstâncias já tenho experiência, tanto de fartura, como de fome; assim de abundância, como de escassez. Tudo posso nAquele que me fortalece. Filipenses 4:12, 13.

Problemas, problemas e mais problemas! Problemas fazem parte da vida. Eles podem ter relação tanto com a pessoa com quem você não vive, como também com aquela que vive ao seu lado. Dependem não apenas de onde você vive, mas como você vive. Onde e com quem você trabalhada podem também estar relacionados. O dinheiro que você tem e o que você pensa do dinheiro que não tem também podem ser fontes de problema. E a lista continua…

(mais…)

Provados Pelo Fogo

Provados Pelo Fogo 3.00/5 (60.00%) 1 vote

Sexta-feira havia sido um dia quente de verão com um fantástico céu azul. No entanto, quando saí pela porta dos fundos naquela tarde, sabia que algo estava terrivelmente errado!

Ao norte e ao sul o céu estava com o mesmo azul bonito, mas diretamente por cima de nós uma fumaça obscurecia o céu, não apenas sobre minha casa, mas deixando um longo rastro sobre o Parque Nacional Glacier.

Sally e eu ficamos em pé no quintal olhando conforme cinzas, parte das quais continha fagulhas acesas que flutuavam até nós como flocos de neve.

Entrei no carro e dirigi pelo Wedge Canyon acima. Cerca de doze quilômetros de nossa casa encontrei o incêndio! Ele mostrava o que os profissionais chamam de “comportamento extremo”, com chamas que se elevavam centenas de metros no ar. Cerca de 50 acres já estavam queimando apenas nas primeiras quatro horas e o fogo se alastrava rapidamente. Era evidente que o incêndio estava tomando uma direção e como uma arma carregada visava diretamente a nossa casa.

FOGO REAL E FURIOSO

(mais…)

O Maior Engano

Rate this post

Será que a verdade pode ser uma maldição para seus possuidores e através da influência deles uma maldição para o mundo? Conheço muitas pessoas que professam a “verdade presente” e inclusive algumas que estão envolvidas em ensinar essa verdade às pessoas; mas ao encontrar-me com elas, as esposas e os filhos descubro que sua vida não está em harmonia com Deus! Os filhos são geralmente indisciplinados, desobedientes, e intratáveis. As esposas mantêm uma aparência destituída de poder. E não raras vezes a conversação do marido é negativa, apontando defeitos ou fazendo comentários de exaltação própria mesclados com um pouco de gracejo e zombaria.

ESTAMOS NOS ENGANANDO! COMO SABER?

Amigos, será que nós, como Paulo disse em Romanos 1:18, “detemos a verdade em injustiça?Se a verdade que professamos defender não nos torna, nem a nossa família, amáveis, pacientes, tolerantes, tendo a mente voltada para as coisas do Céu, bem organizados, bem disciplinados, compassivos, humildes e mansos, então podemos dizer que “é uma maldição a seu possuidor e, por meio de sua influência, uma maldição ao mundo”. – O Desejado de Todas as Nações, pág. 310.

Uma das lições mais profundas que aqueles que entre nós professam a “verdade presente” precisam aprender é que a Palavra sem uma experiência viva na própria vida é de pouco valor!

Os fariseus são os principais exemplos dos que abraçaram as ‘palavras’ ou as ‘verdades’ e ao mesmo tempo negaram a Cristo na própria vida. Cristo lhes disse: “Examinais as Escrituras, porque julgais ter nelas a vida eterna…” João 5:39.

Sua experiência cristã consiste na “teoria da verdade” enquanto a sua vida, da esposa e dos filhos negam esse poder?

(mais…)

Aquietai-vos e Sabei

Rate this post

Minha esposa, meus dois filhos e eu decidimos que todos nós precisamos ter uma comunhão vital e contínua com Deus através da fé em um Salvador real, que é capaz e está pronto a nos salvar até o fim; e que quando saímos para nossas tarefas diárias jamais devemos, mesmo por um instante, romper nossa união e comunhão com Aquele que é poderoso para nos salvar.

O QUE É PERMANECER EM CRISTO

Cristo disse: “Permanecei em Mim, e Eu permanecerei em vós. Como não pode o ramo produzir fruto de si mesmo, se não permanecer na Videira, assim, nem vós o podeis dar, se não permanecerdes em Mim.” João 15:4.

Permanecer em Cristo significa receber constantemente o Seu Espírito onde quer que estejamos e em tudo que fizermos. Esse recebimento deve ser um processo ativo e contínuo durante todo o dia. Enquanto essa experiência for mantida, na qual todos os nossos pensamentos, palavras e atos se acham centralizados nEle, o fruto do Espírito será evidente em nossa vida diária. Veja Gálatas 5:22-23. Mas se por um momento escolhermos deixar nossa união e comunhão com a fonte de vida e poder, então as obras da carne serão manifestas em nossa vida. Veja Gálatas 5:19-21.

(mais…)

Onde Está o Coração dos Seus Filhos?

Rate this post

Onde está o coração do meu filho? Veremos dois caminhos nesse artigo. Primeiro, quem tem o coração deles, e depois, o que tem no coração deles. Vendo essas duas alternativas, podemos ter mais claramente ideia sobre como cooperar com o céu para ganhar o coração deles, obter de novo os corações rebeldes e desobedientes que temos em casa. Levar nossos filhos a entregarem todo o egoísmo e a vontade própria para Deus é a obra mais importante nessa terra. Esse trabalho com o coração deve ser feito não apenas com Cristo, mas, o que é mais importante, em Cristo. Isso é diferente.

Quem é o dono do coração de seu filho ou filha agora mesmo? Ele tende para as coisas do mundo ou para as coisas do céu? Ao analisar o comportamento, atitude e até a fisionomia dos filhos, os pais podem avaliar com precisão “pelos seus atos” (Prov. 20:11) quem é o dono do coração deles. “Pelos seus frutos os conhecereis” Mateus 7:16-20. Será que Cristo e o desejo de fazer o que é certo dominam o coração dele, ou você pode perceber o egoísmo satânico dominando suas palavras, disposição e atos? Gálatas 5:16-25 lista o trabalho da natureza carnal e os frutos do Espírito e isso pode ajudar você a avaliar o tipo de fruto que está sendo produzido na vida de seu filho, e saber que Espírito o está dominando.

Satanás é o príncipe desse mundo desde a queda de Adão e Eva, e ele domina o coração de nossos filhos desde o nascimento, a não ser que redirecionemos nossos pequenos, nossos jovens para, ao invés disso, darem seu coração a Cristo e seguirem Suas leis. Satanás controla cada mente (coração) que não estiver decididamente sob o controle do Espírito de Deus. Se não estivermos ativamente dirigindo nossos filhos para Jesus, eles estarão automaticamente sob o controle de Satanás! Sem a ajuda do céu, nem a criança nem os pais podem fazer outra coisa a não ser servir ao pecado e ao egoísmo.

Por isso que é muito importante que um pai ou mãe conduzam seu filho desrespeitoso para Jesus, para que Ele possa redimí-lo do serviço de Satanás. Cristo deseja dar poder e dirigir pais e filhos da mesma maneira, para que andem nos caminhos da justiça. Quem decididamente assumirá seu papel nessa obra?

(mais…)

Ideias para Disciplinar Seu Filho

Rate this post

Uma nota para o leitor: Esse esboço apresenta algumas ideias para consequências que os pais podem usar como parte do treinamento de seus filhos. Não é para ser usado com a resposta final para todas as questões sobre como educar uma criança. Para mais informações, podem ler os outros artigos sobre o tema que estão no site, além de materiais que disponibilizamos na Loja da Família em www.ceafa.com.br/lojanova

Propósito:

  1. Ajudar e motivar a criança a entregar seu coração para Cristo, para que ela possa se libertar completamente e fazer o que é certo e não ser escrava de seus próprios caminhos egoístas e destrutivos.
  2. Nunca deve ser uma maneira pela qual o pai ou a mãe desconta sua frustração na criança.
  3. Queremos treinar nossos filhos a pedirem a ajuda de Deus para enfrentar todas as dificuldades da vida.
  4. Queremos motivá-los a colocar sua vontade ao lado da de Deus, para fazer a coisa certa, e mudar seus hábitos, atitudes e o espírito, dando de si mesmos para os outros.
  5. Isso pode ser feito apropriadamente apenas quando são levados a Cristo antes, durante e depois do processo de disciplinar, e Cristo, e não o seu próprio impulso emocional, comanda você.
  6. Sem a ajuda de Cristo, eles não conseguem mudar interiormente. Podemos ter uma conformidade humana na aparência mais apenas a disciplina, mas uma transformação interior do coração e da disposição é possível apenas quando eles estão unidos e submetem-se a Cristo.

Pré-Requisitos:

  1. Os pais precisam primeiro se submeter a Cristo.
  2. Nunca disciplinar o filho quando estiver com raiva ou irritado.
  3. Sempre pergunte: “Senhor, o que queres que eu faça?”.

Princípios:

  1. Ore pela criança antes, durante e depois da correção.
  2. Lembre-se da lei da mente – “não hã outra maneira”.
  3. Entenda que isso é percebido como um grande juízo pela criança.
  4. Busque o equilíbrio entre a firmeza e a bondade, autoridade e afeto.

(mais…)

Chiclete

Rate this post

Bem ao lado do balcão estava uma prateleira superlotada com os mais deliciosos chicletes, e o melhor de tudo, eram gratuitos porque a vovó estava pagando!

Andrew, com três anos de idade, nem sempre achava divertido fazer compras, mas isso era extraordinário. Ele sempre cavava até o fundo da prateleira para ter certeza de que pegaria os dois melhores chicletes – um para si mesmo e um para o irmão. Isso havia se tornado uma parte das compras quando a vovó e eu saíamos, e Andrew esperava com ansiedade.

SÓ MAIS UMA VEZ, SÓ UMA!

O problema é que tínhamos decidido não mais comprar chiclete. Então tive de dizer:

– Mãe, nós decidimos que não vamos mais comprar chiclete.

– Qual é o problema do chiclete? – ela perguntou.

– É por causa do açúcar, dos dentes e da saúde deles.

– Você não pode deixar pelo menos mais essa vez? – minha mãe implorou, vendo que Andrew já estava com os chicletes na mão.

– Não, ele deve devolvê-los. Sinto muito não ter-lhe contado antes. Deixar passar essa vez vai tornar as coisas mais difíceis da próxima.

Andrew era muito meigo. Esforçou-se para obedecer. Colocou a mão gordinha sobre a prateleira, olhando para mim com olhos suplicantes, esperando que eu cedesse essa uma vez para não ter de colocá-los de volta na prateleira.

– Mamãe, eu quero chiclete – disse meigamente. Detestei ter de fazer isso, mas acenei com a cabeça dizendo “não”.

Depois de colocar os chicletes de volta, colocou o dedo na boca e as lágrimas começaram a rolar-lhe pelo rosto. Aquela cena partiu meu coração.

– Não podemos mascar chiclete só mais essa vez? – disse Matthew.

– Não – eu disse com mais convicção do que sentia.

(mais…)

Descanso em Meio ao Estresse

Rate this post

“Disse pois: Irá a Minha presença contigo para te fazer descansar.” Êxodo 33:14

PERGUNTA SURPREENDENTE

Certo palestrante, enquanto explicava ao auditório como controlar o estresse, ergueu um copo de água e perguntou: “Quanto pesa este copo de água?”

Seus ouvintes deram respostas que variavam entre 20 e 500g.

O palestrante ouviu pacientemente todas as respostas que as pessoas quiseram dar. Conseguira total atenção. Então fez uma declaração que ninguém jamais esqueceria.

Disse ele: “O peso absoluto deste copo de água não importa tanto quanto o período de tempo que eu tente segurá-lo. Se eu o segurar durante um minuto, não haverá problema. Se eu o segurar durante uma hora, ficarei com o braço doendo. Mas se eu tentar segurá-lo durante o dia inteiro, vocês teriam de chamar uma ambulância para me levar embora. Em cada caso, o peso é o mesmo, mas quanto mais tempo eu o segurar, mais pesado ele se tornará”.

POR QUE SE ESTRESSAR?

Será realmente possível que o fato de segurar uma coisa tão pequena como um copo de água possa incapacitar um forte homem adulto? Bem, isso é verdade. Mas quem se disporia a segurar algo tão pequeno assim até entrar em crise?

Bem, amigos, a maioria de nós faz isso diariamente. Nós o fazemos automaticamente, sem sequer questionar. É nosso estilo de vida. E acabamos entrando em crise!

É por isso que há divórcios em excesso, que os jovens se rebelam e os amigos se apartam; os problemas de saúde se intensificam e o crime aumenta. Que são esses “pequenos copos de água” que seguramos com tanta firmeza?

Ofensas recebidas de outras pessoas, conflitos não resolvidos, circunstâncias desorientadoras, coisas demais para fazer em tão pouco tempo, preocupações, ansiedades, técnicas ineficazes para solução de problemas, atitudes insatisfatórias, culpa, pensamento negativo, necessidades e expectativas de outros… e a lista é interminável.

Achamos que esses “pequenos copos de água” são indispensáveis, que precisamos nos apegar a eles, e que terríveis consequências ocorrerão se os colocarmos de lado. Talvez tenhamos desenvolvido o hábito de carregá-los por tanto tempo que parece que fazem parte de nós e simplesmente aceitamos sua presença, bem como a dor que os acompanha. E assim acabamos nos atrapalhando!

ENCONTRANDO A SOLUÇÃO

(mais…)